se Brz EMR - Reefer Container Brasil: Aplicativo lê lacres de contêineres no porto de Santos
back to top

Aplicativo lê lacres de contêineres no porto de Santos

Sistema introduzido inicialmente na área de logística substitui digitação manual por OCR, aumentando segurança e agilidade aos processos aduaneiros.

A Santos Brasil, empresa referência em operações portuárias e logísticas, está implantando uma nova tecnologia em suas operações com contêineres para exportação: a leitura de lacres por meio de OCR (sigla em inglês para "reconhecimento ótico de caracteres"). O sistema substitui a digitação manual dos dados do contêiner, aumentando a segurança e produtividade, reduzindo erros e agilizando o processo de despacho de cargas.

A ideia do aplicativo surgiu quando a Alfândega do Porto de Santos editou
a Portaria 134, de março de 2018, determinando, entre outras coisas, que os contêineres com carga para exportação devem ter seu lacre fotografado antes de serem abertos. A Santos Brasil resolveu ir além do que determinava a Portaria e desenvolveu o novo sistema, que permite que seus funcionários utilizem um aplicativo instalado em um tablet e faça a leitura dos lacres antes dos contêineres serem abertos pela Receita Federal.

Segundo Ricardo Abbruzzini, diretor de Tecnologia e Inovação da Companhia, além de atender às regras da Receita, o novo app dá mais segurança e rapidez aos processos aduaneiros na empresa. "A leitura dos lacres com OCR nos tablets diminui a incidência de erros de digitação, já que antes, os dados eram preenchidos pelo vistoriador de forma manual", explica.

O app já está em uso na área de logística da Santos Brasil, onde os resultados se mostraram muito positivos: a leitura dos lacres, que levava em média 7 segundos antes do uso do sistema, passou a ser feita em 1,43 segundo, com acuracidade de 83%. O próximo passo será implementar o aplicativo no Tecon Santos (terminal de contêineres do porto santista administrado pela empresa) e, em um segundo momento, ampliar o seu uso para a leitura dos lacres de descarga (importação).

Para Abbruzzini, o investimento da Santos Brasil em tecnologia e inovação traz segurança e agilidade para a operação, beneficiando os clientes e todos órgãos intervenientes com os quais a empresa se relaciona. "A Santos Brasil tem um DNA de inovação e está em constante busca por soluções pioneiras que agreguem valor à sua operação e promovam a competitividade de seus clientes", diz.

Nenhum comentário :