se Brz EMR - Reefer Container Brasil: O que é um contêiner reefer e como funciona?
back to top

O que é um contêiner reefer e como funciona?

CONTÊINER REEFER; nada mais é que um contêiner refrigerado.
 
Simplificando, contêineres reefer são grandes freezer que são usados para transportar cargas de temperatura controlada, tais como frutas, carne, peixe, marisco, vegetais, laticínios e também produtos não alimentares, tais como flores, produtos farmacêuticos e filme em muitas milhas e oceanos.
Algumas cargas podem precisar ser enviadas refrigeradas, congeladas ou em atmosfera controlada. Contêiner Reefer tem a capacidade de manter a carga nas temperaturas necessárias para chegar ao destino aptas para consumo.

Como funciona um contêiner reefer?

 
Funcionam da seguinte forma, ele possui uma maquina
de refrigeração e internamente eles possuem um piso em formato T, chamado de T-Bar ou T-Floor que tem a função de permitir a passagem do ar refrigerado através de toda a carga.
Unidades refrigeradas podem manter ou abaixar a temperatura da sua carga, mesmo nas condições mais difíceis.
Contêineres Reefer também podem esquentar as mercadorias através de um conjunto de resistências, com a capacidade de manter a temperatura até +30° C quando necessário, em uma faixa de temperatura externa de -30°C a +50°C, fora dessa faixa à unidade* não funcionará corretamente.

*Unidades usando refrigerante R-134A mais comuns em unidades normais.

 
Um ponto importante a se comentar, é que uma unidade reefer não foi projetada para reduzir a temperatura da carga, mas sim para manter a temperatura da carga pré-refrigerada.
 

Não existe modelo padrão de armazenamento da carga, cada carga tem uma forma especifica de armazenamento e transferência de calor...
Exemplo:

  • No caso de carga refrigerada, o ar tem que ser transportado através da carga a todo o momento para que o calor e os gases sejam removidos, portanto caixas ou embalagens utilizadas devem ter ventilação.
  • No caso de carga congelada, o ar tem que ser transportado ao redor da carga, e não deverá haver nenhuma abertura entre a carga e as paredes da carga propriamente dita, então a carga deve ser arrumada em blocos.

clip_image002
clip_image003
Fluxo de ar para carga refrigerada – imagem do site http://maersklinereefer.com
Fluxo de ar para carga congelada – imagem do site http://maersklinereefer.com

Cold Treatment

 
Devido a alguns tipos de frutas que transportam potenciais organismos patogênicos, certos países importadores como China, Japão, Nigéria, requerem tratamento de frio na fruta.
Para este tipo de embarque, a fruta será previamente resfriada a uma temperatura mais baixa do que o Setpoint, para monitorar isto são usado três sensores USDA (probe) que são inseridas na polpa da fruta dentro da caixa.
Há uma tolerância mínima permitida na variação de temperatura. Caso a tolerância seja estendida, dias ou horas adicionais serão necessárias para trazê-lo a temperatura desejada.
Caso um dos probes fique acima da tolerância, a carga será rejeitada no país de destino, devido a potencial infestação da fruta por agentes patogênicos.

Lista de verificação para estufagem em unidades reefer.

 
clip_image004Algumas dicas gerais sobre estiva de carga reefer:
  • A carga não deve obstruir T-floor.
  • A carga não deve exceder a linha vermelha (red load line).
  • A carga deve estar bem alocada, evitando com que ela se mova durante o transporte.
  • A unidade deve sempre ser ajustada à temperatura do booking.
  • O controle de desumidificação deve ser verificado.
  • Se for necessário pré-resfriamento, a carga que deverá ser pré-resfriada e não o contêiner, a menos que o contêiner seja carregado em um Sortie/Stuffie.
  • O ajuste da ventilação é de extrema importância e deve ser definido no nível correto.
  • Como o ar vai seguir o caminho de menor resistência, não devem haver restrições para o fluxo de ar e eventuais lacunas entre os paletes, as portas devem ser fechadas usando papelão ou até mesmo madeira; Então isso irá forçar o ar a circular corretamente e reduzir potenciais dissipadores de calor (ar quente circula continuamente) na proximidade das portas.

Princípios da estufagem 

 
A imagem abaixo mostra os princípios de estufagem que precisam ser seguidos em um contêiner reefer. clip_image005
  1. O maquinário
  2. Caixas não se estendem além do pallet
  3. Espaçamento na lateral permite o fluxo de ar vertical
  4. Ar circulando entre a lateral da carga.
  5. Limite de segurança da carga
  6. Portas traseiras
  7. Espaço acima da carga
  8. Fluxo de ar
  9. Carga alinhada
Este artigo foi escrito em conjunto com Silvio Gonçalves.
Baseado no post do site SAFR

Nenhum comentário :